Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Detran recolheu 5,5 mil carteiras de motoristas em 2013

Todos os condutores foram intimados por terem sido flagrados dirigindo embriagados, sem o licenciamento do veículo ou habilitação, por não usarem cinto de segurança, ou por estarem realizando manobras perigosas com o automóvel
Um total de 5.585 motoristas foram intimados pelo Departamento Estadual de Trânsito no Ceará (Detran/CE) a entregarem suas carteiras de habilitação nos primeiros dez meses deste ano. Todos os condutores foram intimados por terem sido autuados dirigindo sem o licenciamento do veículo ou habilitação, não usar cinto de segurança, dirigir embriagado ou flagrado realizando manobras perigosas ou com excesso de pontos na carteira. Em média, são 19 apreensões por dia.

Um dado chama atenção dos estudiosos de trânsito. A frota de Fortaleza somou 885,3 mil veículos até outubro deste ano. 

No entanto, o geral dos habilitados é de 868,6 mil. Uma diferença que pode demonstrar a grande quantidade de pessoas que dirige ou pilota motos sem o documento de habilitação. A falta da CNH e, principalmente, capacidade técnica para conduzir veículos automotores potencializam os acidentes no Trânsito, dizem especialistas.

Alguns desses condutores entraram com recursos nas Juntas Administrativas de Recursos e Infrações (Jari) e não tiveram os pedidos aceitos. Em todos os casos, os motoristas com a carteira recolhida irão cumprir suspensão de até 12 meses do direito de dirigir ou, em casos de reincidência, de seis a 24 meses.

Apesar do número ser considerado alto, o total das habilitações apreendidas é 45% menor do que igual período do ano passado, quando 10.151 motoristas tiveram suas habilitações recolhidas pelo Detran.

Lei Seca
A aplicação da Lei Seca originou 5.827 novos processos instaurados ao longo do ano. 

O número é menor do que o de igual período de 2012, quando 7.270 não passaram no teste do bafômetro e, mesmo se negando a fazer o teste, visivelmente, tinham ingerindo bebida alcoólica e estavam dirigindo no momento da abordagem da fiscalização dos agentes. 

Outro dado considerado importante pelo Detran/CE é com relação ao não uso do cinto de segurança. Em 2012, 11,3 mil pessoas foram flagradas dirigindo sem utilizar o equipamento de segurança obrigatório. Neste ano, de janeiro a outubro, foram 4,9 mil, registrando uma redução de 52,6%. 

O engenheiro de trânsito Paulo Henrique Damasceno indica que a obrigatoriedade do uso do cinto de segurança é para todos os ocupantes dos veículos, independentemente da via que esteja sendo utilizada. 
“Mantenha os cintos sempre em bom estado e nunca prenda-os enrolado ou dobrado, para não reduzir sua eficiência. Outra coisa importante: usar cinto de segurança no banco de trás também é obrigatório”, aponta ele.

O número de infrações lavradas durante as operações do radar também diminuiu. Em 2012, foram 102,5 mil. Neste ano, foram 76,4 mil. Uma redução de 25,3%.

Fonte: Diário do Nordeste / Miséria

Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »