Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

MP requer posse de candidatos aprovados em concursos públicos da Urca

O Ministério Público do Estado do Ceará, através das Promotorias de Justiça de Juazeiro do Norte e do Crato, ingressou na última sexta-feira (24) com uma ação civil pública contra o Estado do Ceará e a Universidade Regional do Cariri (URCA).

O pedido é para que sejam feitas a nomeação e a posse dos candidatos aprovados para os cargos de professores efetivos nos últimos concursos públicos.

O prazo solicitado é de até cinco dias e de acordo com o limite de vagas decorrentes de cargos ociosos de provimento originário atualmente existentes na instituição.

A ação requer ainda que todos os professores contratados temporariamente e/ou substitutos que estejam ocupando as vagas destinadas aos cargos efetivos sejam demitidos/dispensados no prazo de cinco dias. Em caso de descumprimento, o MPCE sugere que seja estabelecida uma multa diária no valor de R$ 50 mil.

O MPCE já tinha expedido uma recomendação ao governador do Estado sobre o assunto. O documento tratava sobre a nomeação e a posse de 26 aprovados no concurso público para o cargo de professores auxiliar, assistente e adjunto da Universidade.

Eles esperam somente a assinatura do ato de nomeação. O tema chegou a ser pauta de reivindicações do recente movimento do Sindicato dos Docentes da URCA (Sindurca).
FONTE: MISÉRIA

Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »