Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Cariri teve o registro de 20 homicídios em setembro ou 5,86% dos assassinatos do Ceará no período

Cariri teve o registro de 20 homicídios em setembro ou 5,86% dos assassinatos do Ceará no período. (Foto: Arquivo/Agência Miséria)
Nos nove primeiros meses do ano 3.347 pessoas foram assassinadas no Ceará e, só na região do Cariri, mataram 226 homens e 16 mulheres totalizando 242 vítimas de homicídios. Isso representa 7,23% do total cearense ou um pouco menos que os 7,38% na comparação dos oito primeiros meses e 7,30% em sete meses, bem como 6,92% nos seis primeiros meses e 6,97% nos cinco primeiros deste ano. Na situação atual em se tratando do Cariri são 26,8 pessoas assassinadas a cada mês, enquanto em nível de estado são 371,8 homicídios em média a cada 30 dias.

Entre setembro e agosto o número de homicídios no Ceará aumentou de 331 para 341, registrando, também, um decréscimo de 25 para 20 no Cariri. No caso específico do nono mês do ano, o percentual relativo na comparação com a nossa região foi de 5,86% um pouco menos que 8,11% de agosto; os 9,96 de julho; os 6,66% de junho, os 6,38% de maio e os 8,83% no comparativo de quatro meses. No Cariri, foram 27 pessoas assassinadas em janeiro, 26 em fevereiro, 32 em março, 31 em abril, 23 em maio, 25 em junho, 33 em julho, 25 em setembro e 20 no mês passado contra, respectivamente, 408, 394, 479, 351, 360, 375, 331, 308 e 341 nestes mesmos períodos em nível estadual.

Já a participação específica de Juazeiro do Norte no âmbito do Cariri continua sendo assustadora. Do total de 242 assassinatos nos oito primeiros meses do ano, a Meca do Cariri registrou 115 representando, sozinha, 47,52% ou quase a metade do volume de homicídios na região. Somente em três municípios caririenses não foram registrados assassinatos este ano quais sejam: Altaneira, Granjeiro e Jati.

Fonte: Miséria
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »