Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Prefeitura oferece 325 novas vagas para cursos de qualificação

O Projeto promove oportunidades de trabalho, emprego e renda para pessoas em situação de maior vulnerabilidade frente ao mundo do trabalho (FOTO: Reprodução/Prefeitura de Fortaleza)
O Projeto promove oportunidades de trabalho, emprego e renda para pessoas em situação de maior vulnerabilidade frente ao mundo do trabalho (FOTO: Reprodução/Prefeitura de Fortaleza)
A Prefeitura de Fortaleza disponibiliza 325 novas vagas para os cursos do Projeto de Qualificação Social e Profissional – Orçamento Participativo (QSP/OP). As inscrições podem ser realizadas até o dia 25 de janeiro, de 8h às 12h e de 14h às 17h, em associações e entidades parceiras localizadas nos bairros de Fortaleza, conforme tabela abaixo. O objetivo principal do projeto é atender as demandas relativas à qualificação apresentadas pela população no Orçamento Participativo em 2012.
As vaga ofertadas estão distribuídas nos seguintes cursos: manicure, operador de telemarketing, garçom, auxiliar administrativo, cabeleireiro, informática básica e massoterapia. Os cursos, que terão início no dia 27 de janeiro, são gratuitos e os participantes receberão o material didático.
Para efetuar a inscrição, é necessária a seguinte documentação: CPF, RG, Carteira de Trabalho Profissional, Número do PIS e Comprovante de Residência. Os candidatos precisam ter idade a partir de 16 anos e estar cursando ou ter concluído o ensino fundamental.
Saiba mais
O Projeto de Qualificação Social e Profissional tem por objetivo promover oportunidades de trabalho, emprego e renda para pessoas em situação de maior vulnerabilidade frente ao mundo do trabalho. A iniciativa promove oportunidades de qualificação social e profissional, por meio de ações que contribuam para o reconhecimento e valorização da cidadania e a redução das desigualdades, bem como prepara para o mundo do trabalho, em ocupações produtivas geradoras de emprego e renda.
Com informações da Prefeitura de Fortaleza

Fonte: Tribuna do Ceará
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »