Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Fábrica de calçados de Brejo Santo vai gerar 2,5 mil empregos diretos

Será inaugurado nesta sexta-feira, 10/1, às 21 horas, em Brejo Santo, a primeira etapa da fábrica Dilly Calçados, que vai gerar cerca de 2 mil e 500 empregos diretos. O investimento da primeiro grande indústria do Cariri Oriental será da ordem de R$ 80 milhões até o fim de 2016, quando a capacidade instalada atingirá a produção de três milhões de pares de calçados por ano. O valor inclui as instalações físicas da fábrica gaúcha Dilly cedidas pelo governo cearense e pela Prefeitura como parte de um pacote de incentivos composto por dez anos de isenção de ICMS, além de equipamentos adquiridos com recursos próprios da família e financiamentos.

A sede da empresa, com as áreas administrativa, comercial e de pesquisa e desenvolvimento, é em Novo Hamburgo, núcleo do polo calçadista gaúcho. "A cabeça está no Rio Grande do Sul e o corpo, no Nordeste", comentou Alessandro Dilly, diretor da empresa. O número de funcionários ficará entre 350 e 400 no ano que vem e alcançará 2,5 mil em 2016, sendo 90% no Ceará.

Este mês a produção já começa num pavilhão provisório e o primeiro módulo do futuro prédio ficará pronto entre julho e agosto próximo, com capacidade de um milhão de pares por ano. A produção dos tênis Diadora, porém, só deve alcançar esse volume no terceiro ano de operação.

A festa de inauguração será animada pela banda Mocidade Forrozeira e o cantor Mano Walter. Confirmaram presença, além da direção da Dilly Claçados, do prefeito Guilherme Landim e do vice-prefeito Edmar Júnior, o governador Cid Gomes, o deputado federal Antônio Balmann e o deputado estadual Welington Landim.
Fonte: Miseria

Assessoria de Imprensa
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »