Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Volume de água aumenta em 46 açudes após chuvas

Açude em Quiterianópolis (Foto: Edimar Soares/O Povo)
Os dados mais recentes do Portal Hidrológico do Ceará, que monitora o nível dos reservatórios no Estado, trazem alguma esperança para os sertanejos. Em cinco dias, o volume de água aumentou em 46 dos 144 açudes monitorados.

Os açudes que estão com mais água desde a semana passada são principalmente das regiões centrais e da porção Sul do Estado, como nas bacias do Salgado, Banabuiú e Alto Jaguaribe (ver mapa).

As chuvas da pré-estação, que atingiram todas as regiões do Estado nos últimos dias 19, 20 e 21, serviram para amenizar a situação, que ainda é crítica - o volume total da água acumulada no Ceará é de apenas 31,3% da capacidade. O POVO comparou o nível dos açudes dos dias 23 de dezembro (data mais recente) e 18 de dezembro.

Dos 144 açudes monitorados, 46 registraram aumento, 25 permaneceram com níveis iguais e 59 tiveram seus recursos diminuídos. O restante não teve o índice informado no Portal Hidrológico. A notícia é boa porque a tendência da estiagem é de queda no nível de água em praticamente todos os reservatórios, como vinha ocorrendo nos últimos meses.

Atualmente, apenas dois açudes monitorados pela companhia estão com níveis acima de 90%. Além do Gavião (em Pacatuba, com 91% do volume), o Curral Velho, em Morada Nova, está sangrando desde a quinta-feira passada, 19.

Segundo dados da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), as chuvas em Morada Nova somaram 127,1 milímetros desde a semana passada. O Curral Velho passou de 88% da capacidade para 98%, com um aumento de 1,2 bilhão de litros em cinco dias. Também em Morada Nova, os reservatórios Poço do Barro e Cipoada ficaram com maiores volumes.

Outro aumento significativo foi registrado no açude Pacoti, situado em Horizonte. O volume adquirido foi de 1,5 bilhão de litros. Se levada em conta a proporção do açude, a alteração foi tímida: o volume passou de 34,5% a 35% da capacidade total.

Para a maioria dos casos, a alteração na capacidade não chega a 1%. A chuva também aumentou o volume de seis açudes da bacia do Sertões do Crateús. No entanto, todos os reservatórios da bacia permanecem com níveis inferiores a 9%, como o Flor do Campo (em Novo Oriente, com 4%).

O POVO tentou contato com representantes da Funceme e da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), mas os telefones não foram atendidos por causa do feriado de Natal.

Fonte: O Povo / Miséria
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »