Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Em 2014, testes de aids serão vendidos em farmácias

Segundo estimativa do governo, atualmente 150 mil portadores de HIV não sabem que possuem o vírus (Foto: AFP)
Em 2014, um exame caseiro tornará possível odiagnóstico de HIVcom base emanálises de saliva.O teste, desenvolvido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), serávendido em farmácias.

Algumas Organizações não governamentais já começaram a ser treinadas para o uso correto do kit. No primeiro momento, o exame será oferecido somente para grupos considerados vulneráveis a doença, como profissionais do sexo, gays, usuários de drogas e travestis.

Já em abril, deverá ser iniciada acomercialização nas farmácias. Em entrevista ao jornal Estado, o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, explicou: "Esse é o futuro. O teste é uma ferramenta valiosa para ampliar o diagnóstico da doença".

Em última estimativa, o governo divulgou a possibilidade de 150 mil brasileiros estarem convivendo com o vírus HIV sem saber. Essa deficiência é considerada grave, porque reduz as chances do tratamento ser iniciado quando a doença ainda está no começo.

O conhecimento tardio da doença diminui o número de portadores providenciando o tratamento precoce, que garante a qualidade de vida ao soropositivo e é considerado por especialistas um instrumento importante na prevenção de novas infecções pelo vírus.

Atualmente, 20 ONG´s estão sendo preparadas para o uso do teste. Outras 20 deverão ser recrutadas. A expectativa é de que até o começo do próximo ano uma portaria seja publicada divulgando as regras para padronizar o exame.

Para que seja comercializado em drogarias, segundo Barbosa, será necessário um registro, emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Fonte: O Povo / Miséria
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »