Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Maduro declara estado de emergência na área de energia elétrica

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, determinou estado de emergência no sistema elétrico nacional por 90 dias. A ordem está decreto assinado ontem (11). A ministra da Comunicação e Informação, Delcy Rodríguez, divulgou a decisão por intermédio da rede social Twitter @DrodriguezMinci. As dificuldades envolvendo o abastecimento de energia no país são antigas e ainda no governo Hugo Chávez o Brasil colaborou com a transmissão de informações e visitas de especialistas.
Em abril, Maduro declarou estado de emergência no setor, também por 90 dias, e estabeleceu áreas de segurança, na tentativa de garantir o abastecimento de energia à população. Segundo ele, é “urgente e indispensável adotar medidas extraordinárias”.
Paralelamente, as autoridades venezuelanas tentam resolver os efeitos de um incêndio na Refinaria Puerto la Cruz da empresa Petróleos de Venezuela (PDVSA) ontem, na região de Anzoátegui. Segundo as autoridades, o incêndio foi controlado, mas 180 famílias tiveram de ser retiradas do local por precaução. O incêndio começou por volta das 14h30 e foi controlado às 18h.
O governador de Anzoátegui, Aristóbulo Istúriz, disse que não houve danos nem vítimas. De acordo com ele, a população colaborou com o trabalho das equipes de resgate e também dos funcionários da PDVSA. Segundo o governador, a refinaria retornará às atividades normalmente hoje (12).

Fonte: Agência do Brasil
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »