Conheça a nossa Rádio | Conheça a nossa cidade

Exposição no Crato terá 25 mil pessoas

Atrações como a fazendinha, engenho de rapadura e casa de farinha estarão integradas na Exproaf (Foto: Elizângela Santos)
Produtores rurais do Cariri passarão a ter destaque a partir de hoje, com a abertura da XIII Exposição de Produtos da Agricultura Familiar (Exproaf), que acontece com a participação de 210 agricultores de 28 municípios do Cariri e dois de Pernambuco. O evento será aberto às 18h, no Parque de Exposições Pedro Felício Cavalcante e vai até o próximo domingo, com uma programação cultural de vários shows à noite, além de cursos destinados aos agricultores e pecuaristas da região. O público estimado da feira é de 25 mil pessoas, segundo a organização do evento.

Neste ano, a grande preocupação dos agricultores está relacionada à estiagem, que, de certa forma, conforme o coordenador da Federação dos Trabalhadores do Estado do Ceará (Fetraece), no Cariri, Francisco José Alves, é preocupante. Ele disse que a estimativa este ano, em termos de negócios, gira em torno de R$ 1,8 milhão, R$ 200 mil a menos que o ano passado.

Objetivo

Segundo o coordenador, o incentivo aos agricultores é o grande objetivo desse trabalho, além de proporcionar a oportunidade de comercialização dos seus próprios produtos, possibilitando esse aprendizado, além do contato com o público. Ele destaca a venda de produtos orgânicos, bastante procurados na feira pelos consumidores da região.

A montagem dos estandes ainda está sendo finalizada durante a manhã desta quarta-feira. Francisco Alves destaca, mesmo com a seca que vem sendo enfrentada, a participação dos parceiros. A feira estará funcionando durante o dia todo, até o meio-dia do próximo domingo. Ele disse que foi realizada uma mobilização nos municípios para divulgar a Exproaf, além dos shows gratuitos, com boa participação do público da região.

Conforme Francisco Alves, um dos grandes problemas que têm sido enfrentados pelos agricultores está relacionado principalmente à comercialização dos seus produtos, sem a presença do atravessador. "Essa é uma oportunidade de quebrarmos essa barreira", diz ele. Estarão sendo comercializados desde frutas, cereais, verduras e vários tipos de doces, além do milho, macaxeira, dentre outros produtos. Pela primeira vez este ano, haverá escolha do garoto e da garota rural, que estarão concorrendo posteriormente em nível estadual e nacional. O concurso será na próxima sexta-feira.

Shows

Na noite de abertura, serão realizados shows de cantos Leonardo de Luna, Cícero Bodim, e Caninana do Forró, com entrada gratuita, a partir das 9 horas. Haverá atrações até a noite de sábado. Além da programação cultural e a comercialização dos produtos, os agricultores terão oportunidade de se capacitarem por meio de cursos coordenados pela Empresa de Assistência Técnica de Extensão Rural do Ceará (Ematerce), através do escritório Regional, no Cariri. O órgão estará coordenando as atividades na fazendinha, onde serão expostas as novas tecnologias de convivência com o semiárido, e exposição de animais.

Segundo a chefe do escritório regional, Elcileide Mendonça, serão realizados seminários de até 8 horas, como o de Sustentabilidade do Rebanho, com formação de reserva estratégica alimentar e conservação do solo e pastagem, com o palestrante Henry Saldanha; Estratégia de alimentação alternativa; Principais doenças dos rebanhos bovino, ovino e caprino, além de visita técnica a usina de beneficiamento de leite do sítio Malhada, em Crato.

Para Elcileide, a exposição é um momento de troca de experiências entre os trabalhadores, possibilitando oportunidades de comercialização, agregando valor aos produtos. forma de aprender técnicas de vendas e ter a percepção de novos clientes".

Mais informações
Escritório da Fetraece
Crato - Ceará
Rua José Silva Santos, 05
Bairro Vilalta
Telefone (88) 3523.1279

Fonte: Diário do Nordeste / Miséria
Próxima página
« Página anterior
Próxima página
Próxima página »